Federação Goiana de Futebol

NOTÍCIA

Atlético (5) 1x1 (3) Goianésia: bi-campeão goiano p/ 2ª vez!





No Estádio Antônio Accioly em Goiânia, o empate por 1x1 entre Atlético x Goianésia na partida única da Fase Final do Goianão 2020 provocou decisão por pênaltis, na qual o time rubro-negro goianiense ao vencê-la por 5x3 sagrou-se campeão goiano de 2020 e tornando-se bi-campeão goiano pela 2ª vez na história, ganhando seu 15º título de campeão goiano.
 
 
Os demais títulos de campeão goiano conquistados pelo time atleticano foram em 1944, 1947, 1949, 1955, 1957, 1964, 1970, 1985, 1988, 2007, 2010, 2011 (bi), 2014 e 2019.
 
 
Assim, exatos 71 anos depois, o Atlético ultrapassa o Goiânia no número de títulos de campeão goiano conquistados, e alcançando o Vila Nova, desfazendo em relação a este, uma desvantagem de seis títulos de campeão goiano conquistados, nos últimos 15 anos.
 
 
O Goianésia, por sua vez, sagra-se vice-campeão goiano pela 1ª vez, já que foi finalista do Goianão pela vez primeira.
 
 
Foi a 2ª decisão de Goianão no Estádio Antônio Accioly. Há 53 anos, em 1967, o Atlético tinha perdido o título ao ser derrotado pelo Crac por 1x0.
 
 
Quatro anos depois, o Goianão voltou a ser decidido nos pênaltis. A última vez foi em 2016 quando o Goiás ganhou do Anápolis na decisão por pênaltis por 5x4 no Estádio Srra Dourada.
 
 
Os gols da partida foram assinalados na etapa complementar através de Zé Roberto logo aos 2’ para o time atleticano empatando Vanílson, de pênalti, aos 33’ para a equipe goianesiense.
 
 
 
Atlético (5) 1x1 (3) Goianésia
 
Árbitro: Wílton Sampaio (Fifa). Assistentes: Fabrício Vilarinho (Fifa) e Bruno Pires (Fifa). Cartões amarelos: Dudu Santos e João Victor (A); Caio, Márcio Luiz e Dudu Itapajé (G). Gols: Zé Roberto 2’ e Vanílson (pênalti) (G) 33’ do 2º tempo. Renda: portões fechados ao público em função da pandemia do coronavírus. 
 
Decisão por pênaltis: Jean, Atlético 1x0; Fabinho Alves, 1x1; Chico, Atlético 2x1; Dudu Itapajé, 2x2; João Victor, Atlético 3x2; Vanílson, 3x3; Roberson, Atlético 4x3; Iran, no travessão, Atlético 4x3; Zé Roberto, Atlético 5x3.
 
Atlético: Jean, Dudu Santos (Arnaldo, 38’ do 2º tempo), João Victor, Oliveira e Natanael; Willian Maranhão, Marlon Freitas, Matheus Vargas (Chico, no intervalo) e Wellington Rato (Nicolas, 27’ do 2º tempo); Janderson (Roberson, 27’ do 2º tempo) e Zé Roberto. Técnico: Marcelo Cabo. 
 
Goianésia: Artur, Bruno Leite, Caio, Márcio Luiz e Elves; Iran, Fábio Leite (Anderson Sobral, 35’ do 2º tempo), Franklin (Dudu Itapajé, 25’ do 2º tempo) e Andrezinho (Dudu, 13’ do 2º tempo); Du Gaia (Fabinho Alves, 25’ do 2º tempo) e Vanílson. Técnico: Luan Carlos.
 
 

A FGF parabeniza toda a coletividade rubro-negra pela grande conquista. 


Autor: Roberto Sampaio
Fonte: Coordenadoria Técnica



Mais Noticias

PARCEIROS
Federação Goiana de Futebol
2021 Federação Goiana de Futebol - Todos os Direitos Reservados
Edifício The Prime Tamandaré Office 22º Andar
Rua 5 nº 691 - Setor Oeste - Goiânia - GO CEP: 74.115-060.
Fone/Fax:
(62) 3218-2311 / 3218-2360 / 3920-9050